quarta-feira, março 26, 2008

"O mito e a realidade a propósito do Tibet"

Este era o título de um texto publicado no Figaro (conhecido jornal da direita francesa), de 22.09.2000. Faço, apenas, referência aos três "mitos" enunciados no texto com brevíssimas anotações dele retiradas:
.
«1. "A ocupação do Tibet pela China"
O Tibet faz parte integrante da China a partir do meio do século XIII. Pretender que a China ocupa o Tibet, é como se se alguém afirmasse que a França ocupa a Bretanha, a Borgonha, a Côte d'Azur ou a Córsega.
2. "Os direitos do homem são espezinhados no Tibet"
O governo chinês seria "o mau da fita" enquanto o dalai-lama seria o "santo dos santos". Antes de 1959, quando o dalai-lama governava o Tibet, o regime que se praticava era o da "servidão", sendo 95% da população composta por "servos", não considerados como seres humanos... pelo que a questão dos direitos humanos não se punha. Este regime foi abolido em 1959. Antes de 1959, a esperança de vida dos tibetianos era de 35,5 anos, agora (2000) é de 67 anos; antes de 1959, a taxa de escolaridade das crianças não chegava aos 2%, agora (2000) é de 81,3%.
3. "O governo chinês está a destruir a identidade cultural tibetiana"
A China é um país multi-étnico. Há 56 etnias na China. A cultura tibetiana, conservando a sua identidade, faz parte integrante da cultura chinesa. No Tibet, o estudo da língua e da escrita tibetiana é garantida pela lei.»
.
Isto é parte do que foi publicado, em 2000, no Figaro, podendo, por exemplo, substituir-se França e Bretanha, e Borgonha, e Côte d'Azur ou Córsega, por Portugal e Algarve, e Madeira ou Açores.
Ainda falta acrescentar, aparentemente a despropósito, que os Jogos Olímpicos são este ano e estão marcados para Pequim. E porque é que me lembrei de 1980, e dos Jogos Olímpicos de Moscovo? Porque teria sido?...

6 comentários:

samuel disse...

Porque és uma pessoa "extremamente mesmo muito" mal intencionada! :)

Abraço

Anónimo disse...

Vou tomar nota destas três questões que vão, certamente, ajudar a pôr os pontos nos is.

Abraços

Campaniça

sr disse...

Qu'é qu'hei-de fazer? Feitios!
Mas, para compensar, tenha a mania de que sou uma pessoa razoavelmente informada.
E não gosto que me façam "o ninho atrás da orelha". Nem da minha, nem da dos outros. (Maus) feitios...

Justine disse...

Informação clara, concisa e que ninguém pode acusar de ser parcial.
Mas a história vai-se fazendo através de mentiras repetidas, até que se tornem verdades, e que interessam a quem interessam

o castendo disse...

Boa tarde Sérgio,
Deixei o teu link aqui caso queiras acompanhar a «discussão»
http://blasfemias.net/2008/03/27/a-causa-tibetana-o-pacifismo-e-os-jogos-olimpicos/#comments

Anónimo disse...

Há grande Sérgio, se a malta não te "tibet" estávamos ainda mais lixados e menos informados.
Dá-lhe com força, "dá-lhe-lama"!

Até Domingo.

J.Filipe